Candidatos reprovados – o que fazer com eles?

Tempo de leitura: 3 minutos

Apesar de a maioria dos candidatos enfrentar uma longa jornada de estudos para a realização dos vestibulares, um fator ainda pode se fazer presente: a temida reprovação. A existência de candidatos reprovados é comum por causa de diversos fatores.

Então, o que fazer com os candidatos reprovados? A instituição de ensino superior deve esquecê-los para priorizar as matrículas dos candidatos aprovados ou mantê-los perto para uma reaproximação? Continue a leitura e solucione suas dúvidas sobre o que fazer com os candidatos que não conseguiram a aprovação.

1 – Os candidatos reprovados não devem ser esquecidos

Isso mesmo. Se a sua faculdade acredita que os candidatos reprovados devem ser abandonados assim tão facilmente, você está enganado! Os candidatos que, por algum motivo (que deve ser descoberto), não conseguiram a aprovação no vestibular precisam ser amparados pela instituição.

O motivo? Eles já demonstraram interesse pela entrada na faculdade, basta agora a sua instituição de ensino oferecer meios para que a aprovação seja alcançada.

2 – Busque o motivo

A reprovação de um candidato pode ocorrer por causa de diversos motivos, entre eles: falta de planejamento, indecisão, fatores psicológicos, adoção de métodos ineficientes de estudo etc. Os jovens precisam escolher bem cedo a profissão a ser seguida, essa escolha, às vezes, é acompanhada de insegurança devido à imprevisibilidade do futuro.

A sua faculdade precisa conhecer e compreender o motivo que causou a reprovação, a melhor maneira de fazer isso é através de uma ligação para o candidato que não obteve êxito. A ligação precisa ser realizada por um colaborador da faculdade paciente, cuidadoso e, de certa forma, persuasivo que saiba estimular no candidato o desejo de relatar a sua situação.

3 – Ofereça opções para o candidato

Após a descoberta do motivo que provocou a reprovação do candidato, a faculdade deve oferecer opções para que ele não seja abandonado:

  • proporcione uma nova oportunidade para a realização da prova

Se no contato feito ao candidato ele relatar como motivo para a reprovação a ansiedade, a falta de domínio do tempo ou algum problema pessoal, a instituição, mostrando-se compreensiva, pode ofertar uma nova chance para a realização da prova.

  • instrua o candidato

O candidato reprovou por causa das questões de língua portuguesa e história? Envie-o, por meio do e-mail, conteúdos relativos a essas disciplinas, com o acompanhamento de simulados. Dessa maneira, o candidato chegará ao próximo processo seletivo capacitado para acertar o máximo de questões de todas as disciplinas.

  • marque aulas especiais

Convide alguns professores da sua faculdade para a organização de aulas virtuais sobre os principais erros cometidos no vestibular. Essas aulas podem ser disponibilizadas pelas redes sociais ou por e-mail.

Uma vantagem das aulas especiais é que elas podem ser feitas antes e após o vestibular. Antes do processo seletivo pode ser discutido sobre os erros gerais que os candidatos cometem, depois do processo seletivo as aulas podem ser direcionadas para a apresentação dos erros cometidos pelos candidatos no último vestibular da faculdade.

É possível transformar os candidatos reprovados em novos alunos da sua instituição, basta investir na criação de um relacionamento com eles, compreendendo os motivos que geraram a reprovação e orientando-os para a descoberta de alternativas para a superação da reprovação.

Esperamos que o texto tenha auxiliado na sua compreensão sobre as estratégias para a obtenção da aprovação dos candidatos reprovados e conquista de novos alunos para a sua faculdade. Compartilhe conosco uma das soluções encontradas pela sua instituição de ensino superior para a transformação dos candidatos reprovados em candidatos aprovados!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *